domingo, 26 junho 2022
Fale Conosco | (24)3343-5229

Nacional

Cidade de 8 mil habitantes contrata show de Gusttavo Lima por R$ 800 mil

MP de Roraima abre investigação; cantor criticou Lei Rouanet

25/05/2022 12:44:25

O Ministério Público de Roraima informou nesta quarta-feira (25) que instaurou um inquérito para investigar a contratação de um show do cantor Gusttavo Lima no valor de R$ 800 mil pela prefeitura de São Luiz, em Roraima. A apresentação está prevista para acontecer em dezembro, na 24ª edição da vaquejada na cidade.

Com cerca de 8 mil habitantes, São Luiz tem o segundo menor PIB (Produto Interno Bruto) do estado de Roraima. A promotoria quer saber como os recursos foram arrecadados para pagar o evento e se haverá algum tipo de retorno para o município. No total, a vaquejada deve custar R$ 3 milhões aos cofres municipais. O Executivo local tem dez dias para enviar as respostas ao Ministério Público.

A contratação do artista repercutiu no Twitter, já que, recentemente, ele criticou os artistas que recorrem à Lei Rouanet. Diversos perfis então publicaram reproduções de publicações oficiais mostrando quanto Gusttavo Lima recebe de cachês por shows, boa parte deles de prefeituras de cidades de interior com baixa arrecadação.

"Cada habitante pagou cerca de 100 reais para o show acontecer. Idosos, bebês, todos pagaram. Claro que não precisam de Lei Rouanet", destaca um perfil que compartilhou a notícia do evento em Roraima.

A prefeitura de São Luiz ainda não se manifestou sobre a repercussão do evento. A assessoria de Gusttavo Lima também foi questionada, mas também ainda não se pronunciou

Em abril, um show do cantor Wesley Safadão também virou caso na Justiça após o Ministério Público do Maranhão pedir a suspensão do evento contratado pela prefeitura de Vitória do Mearim, no norte do estado. A cidade tem 30 mil habitantes. Após a contestação, o ministro Humberto Martins, do Superior Tribunal de Justiça, caracterizou o espetáculo como "lesão à ordem e à economia públicas". Ele afirmou que a despesa de R$ 500 mil é incompatível com a realidade orçamentária do município maranhense. Para o Ministério Público, a realização do evento comprometeria a oferta de serviços públicos básicos à população, já que as despesas seriam pagas com dinheiro público. O show do artista foi contratado sem licitação. (Foto: Divulgação)

Cidade de 8 mil habitantes contrata show de Gusttavo Lima por R$ 800 mil

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

18:40 Cidades