segunda-feira, 23 setembro 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Esporte

Voltaço perde para São José e está eliminado

25/08/2019 20:07:57

Facebook do São José registrando o autor do 3º gol no Voltaço

O Voltaço encerrou neste domingo sua participação na série C de 2019 do Campeonato Brasileiro. O time dirigido por Toninho Andrade foi goleado por 4 a 2 pelo São José, em Porto Alegre. O resultado classificou o time gaúcho para as quartas de final, ao lado de outras duas equipes do Rio Grande do Sul,  Juventude e Ypiranga, e do Remo, do Pará.

Na partida disputada no Estádio Passo D’Areia, o Tricolor de Aço pagou caro pela desatenção, tomando gols no início de cada etapa da partida e outro no fim do primeiro tempo, quando o placar de 1 a 1 estava a seu favor. O sonho da Série B, portanto, está mais uma vez adiado.

Primeiro tempo: um gol no início, outro no fim

Com os dois times precisando da vitória, o São José se valeu do fato de jogar em casa para tomar a iniciativa de jogo e conseguiu abrir o placar logo com 5 minutos. A jogada começou com Matheusinho, que cruzou para a área e achou o atacante Luiz Eduardo livre para fazer 1 a 0.

O Voltaço sentiu o gol e custou a se reencontrar na partida.

A chance do empate – a rigor, a única na primeira etapa –veio aos 23 minutos, quando o Tricolor de Aço teve a seu favor uma falta nas proximidades da área. Gelson cobrou bem e decretou 1 a 1.

Cinco minutos depois, o técnico Toninho Andrade teve de fazer uma alteração devido à contusão de Bileu. Ele foi substituído por Luciano Naninho.

Aos 31, o São José poderia ter feito o segundo, mas a finalização de Maradona não foi digna do apelido. Aos 34, foi a vez de Rafael Tavares desperdiçar ótima chance, com uma cabeçada que a zaga do Voltaço conseguiu salvar.

E então parecia que o primeiro tempo caminharia para o placar de 1 a 1, mas, aos 45 minutos, numa cobrança de escanteio, enquanto a zaga do Voltaço olhava Luiz Eduardo de novo apareceu para, de cabeça, colocar o São José novamente na frente do marcador, jogando uma ducha de água fria no Esquadrão de Aço.

Gol relâmpago

Para o segundo tempo, Toninho trocou Luís Gustavo – que recebeu cartão amarelo na etapa inicial – por Núbio Flávio, na tentativa de tornar o time mais ofensivo e buscar ao menos o empate. Mas não deu nem tempo de sentir efeitos da alteração. Logo a 1 minuto, veio a ducha de água gelada: Matheusinho roubou  a bola da defesa do Voltaço, entrou livre na área, driblou Douglas Borges e cravou 3 a 1  no placar.

Precisando ao menos do empate para garantir a classificação, chamou a atenção a incapacidade do Voltaço de criar jogadas, de ameaçar o gol adversário, numa total falta de objetividade e mesmo de determinação. Com isso, o jogo foi ficando cada vez mais favorável aos donos da casa, que a partir do terceiro gol passaram a tocar mais a bola, cientes de que tinham pela frente um adversário perdido e atordoado, que, por volta dos 30 minutos, começou a dar sinais de entrega, depois de ter corrido muito e produzido quase nada.

A sensação de que o São José iria ampliar estava em campo e acabou acontecendo. Aos 36, o zagueiro Lucão cravou a goleada, fazendo o quarto gol dos gaúchos.

O Voltaço até conseguiu diminuir aos 45, com Núbio Flávio, mas já era tarde demais. Uma despedida desastrosa para a torcida que sonhava com a Série B.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:46 Polícia