quarta-feira, 18 outubro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

Ladrões invadem, furtam e praticam atos de vandalismo em colégio

Direção calcula prejuízo em pelo menos R$ 50 mil

27/03/2017 09:05:25

Prestes a completar 51 anos de fundação, em julho, o Instituto de Educação Manoel Marinho, um dos mais tradicionais da rede estadual em Volta Redonda, foi invadido duas vezes no final da semana. Os ladrões, que seriam três, entraram no estabelecimento pela primeira vez de sexta-feira para sábado. Avisada, a direção esteve no colégio, localizado na Vila Santa Cecília, e fez o possível para que as aulas acontecessem normalmente nesta segunda, mas foi surpreendida com uma nova invasão, ocorrida de sábado para domingo.

As aulas desta segunda-feira foram suspensas. O diretor Alexandre Batista informou que, até o final do dia, haverá nova tentativa de deixar a escola em condições de receber, nesta terça-feira, os 1,3 mil alunos dos turnos da manhã e da tarde.

Desolados, os funcionários mostraram à reportagem do FOCO REGIONAL os estragos causados pelos ladrões. Foi como se um tornado de vandalismo tivesse passado pela escola. O prejuízo foi calculado em pelo menos R$ 50 mil.

Até o momento da publicação desta nota, a direção já havia constatado o furto de nove notebooks, quatro data-show, filmadoras e câmeras digitais. Três data-show simplesmente foram quebrados. O sistema de segurança por câmeras da escola também foi destruído.

Os vândalos ladrões entraram na escola pelo alto, arrombaram portas de ferro e foram provocando destruição por todo lado. Todas as salas de aula sofreram danos, assim como a da direção, secretaria, banheiros e sala de química. A biblioteca também não escapou. Um aparelho de TV que não foi levado foi arrancado da parede e jogado sobre uma mesa.

Os bandidos estiveram também na sala onde ficam os documentos dos alunos. Alguns foram levados. Na secretaria há óleo espalhado pelo chão.

O primeiro arrombamento foi descoberto, segundo os funcionários, porque a Guarda Municipal achou na rua um notebook quebrado, perto da escola. Ontem, ao ser avisado da nova invasão por uma funcionária, o diretor disse ter acreditado que ela estava se referindo à primeira, só depois se certificando de que tinha havido uma segunda invasão.

- Estamos todos chocados – disse uma funcionária. Veja mais fotos da destruição na galeria abaixo.

1/18

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

18:37 Cidades