sexta-feira, 25 setembro 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Nacional

Governador de Goiás quer lockdown por 14 dias

Ronaldo Caiado pede apoio a prefeito para evitar colapso

29/06/2020 11:27:06

O governador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM) decretou 14 dias de lockdown alternativo no estado para tentar conter a curva de contaminação por coronavírus. O lockdown torna mais rigorosas as regras de isolamento social.

O governador, que é médico, pediu apoio aos prefeitos para a medida, tomada como alternativa pelo fato de o STF (Supremo Tribunal Federal) já ter reconhecido que os prefeitos têm autonomia para determinar regras de isolamento, quarentena e restrição de transporte e trânsito em rodovias em função da pandemia.

A medida adotada pelo governo do estado foi tomada depois de a Universidade Federal de Goiás (UFG) divulgar um novo estudo prevendo um colapso hospitalar em julho, com a necessidade de dois mil leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 18 mil mortes por Covid-19 no estado até setembro. “Se tivesse autonomia do Supremo, decretaria fechamento do comércio no esquema 14 por 14, em Goiás", disse o governador. Ele entende que os prefeitos precisam rever as flexibilizações e ofereceu apoio da polícia, caso queiram adotar o fechamento já a partir desta terça-feira (30).

"A responsabilidade é de todos nós. Cada prefeito e cada prefeita vai responder pelo caos nos seus municípios. Reflitam bem, analisam bem. Fornecerei as minhas polícias a todos os prefeitos que quiserem que haja cumprimento 14 por 14", disse o governador em uma rede social.

Caiado disse ainda que aguarda posicionamento das autoridades municipais, seja publicamente ou por e-mail, para oferecer o suporte necessário para o fechamento do comércio em geral, mantendo apenas as atividades essenciais.

O mais recente boletim epidemiológico do estado, divulgado no domingo (28), aponta que Goiás tinha mais de 22 mil casos confirmados de coronavírus, sendo 435 mortes. Numa live desta manhã, o secretário estadual de Saúde, Ismael Alexandrino, lamentou mais nove mortes entre a noite de domingo e a manhã desta segunda-feira, somente no Hospital de Campanha de Goiânia. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

06:25 Cidades