domingo, 20 maio 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Esporte

Fla derrota Botafogo e vai à final da Taça GB

10/02/2018 18:39:27

O Flamengo se credenciou para decidir a Taça Guanabara com o Boavista (que eliminou o Bangu), ao derrotar o Botafogo por 3 a 1, na tarde deste sábado, no Estádio da Cidadania Raulino de Oliveira. Os gols foram marcados por Everton Ribeiro, o estreante Henrique Dourado e Vinícius Junior. para o Fla. Kieza diminuiu para o Botafogo. A decisão da Taça GB será no dia 18, domingo, provavelmente no Engenhão – estádio do adversário que derrotou em Volta Redonda.

Marcado para o sábado de Carnaval, quando a cidade fica habitualmente esvaziada, e com o Botafogo recém-eliminado da Copa do Brasil, a derrota de 2 a 1 para o Aparecidense, o público foi pequeno como se esperava. Foram 6.955 torcedores (6.460 pagantes), com renda de R$ 257,6 mil. O número de ingressos colocados à venda foi 14 mil.

E parece que o torcedor já estava adivinhando que o jogo não seria dos mais interessantes – como realmente não foi. O Botafogo, que precisava vencer a partida – a vantagem do empate era do Rubro-negro – passou o primeiro tempo inteiro sem dar um chute com perigo ao gol.

Já o Flamengo também não fez uma grande apresentação, mas pelo menos buscou mais o jogo. Aos 17, Diego levantou bola na área e Henrique Dourado cabeceou com perigo, rente à trave. Sete minutos depois, Paquetá levantou na área, Rabello desviou de cabeça para trás e quase surpreendeu Jefferson. O goleiro, no entanto, evitou o gol contra e colocou para escanteio.

Aos 27, o Flamengo acertou o travessão. Foi numa cobrança de falta, em que Paquetá buscou o ângulo esquerdo de Jefferson, mas deu azar com a trajetória da bola.

Aos 35, porém, a fragilidade da zaga do Botafogo ficou exposta mais uma vez. Da direita, Diego levantou bola na área, Éverton Ribeiro subiu praticamente sem ser incomodado e cabeceou para o fundo das redes, fazendo 1 a 0.

Antes do final do primeiro tempo, o Flamengo ainda poderia ter ampliado. Paquetá fez uma boa jogada e acionou Pará. O lateral tentou acertar o ângulo, mas a bola passou perto da trave.

Veio o segundo tempo e o panorama do jogo não se alterou nos primeiros minutos. Logo após a saída, Paquetá e Everton trocaram passes pela esquerda, cabendo a Paquetá a finalização que mais uma vez assustou o goleiro do Glorioso.

 Aos 3 minutos, Henrique Dourado marcou seu primeiro gol com a camisa rubro-negra: em bola cruzada por Diego, Paquetá escorou para o meio da área e o Ceifador mandou de primeira para fazer Fla 2 a 0. O atacante, claro, comemorou fazendo a sua tradicional "ceifada".

Com a vantagem, o Flamengo cometeu o erro de achar que o jogo já estava definido, até porque o Botafogo continuou jogando muito mal, irritando sua torcida. Do lado rubro-negro, a troca de passes era saudada com gritos de olé pelos flamenguistas.

Depois da parada técnica, o Botafogo diminuiu. Num contra-ataque puxado por Renatinho, Kieza recebeu nas costas de Réver e mandou um balaço, diminuindo para 2 a 1, aos 23 minutos.  Foi o primeiro gol sofrido pela defesa do Flamengo em 2018. Logo em seguida ao gol do Botafogo, Réver deixou o jogo, chegando a vomitar em sinal de cansaço, pois até os 25 minutos, quando começou a chover em Volta Redonda, a partida foi disputada sob sol e forte calor.

O gol até que animou o Alvinegro, mas o time não conseguiu sequer o empate, que ainda assim favoreceria o time da Gávea.  Já nos descontos, aos 48, Vinícius Jr. fechou o placar com um golaço: de fora da área, ela acertou um belo chute e decretou o resultado final: 3 a 1. Na comemoração, por pouco não houve confusão, já que Vinícius Junior fez o tradicional gesto de “chororô”.

 

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

18:36 Polícia