domingo, 08 dezembro 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Lazer

Feira das Mina Preta movimenta Memorial Zumbi no fim de semana

06/09/2017 16:06:30

"Entender um pouco mais da negritude brasileira". Esse é um dos objetivos da Feira das Mina Preta, que promete lotar mais uma vez o Memorial Zumbi dos Palmares, na Vila Santa Cecília, no próximo fim de semana. Organizado pelo grupo Meninas de Lenço e com apoio do Instituto Dagaz, o evento está programado para começar às 19 horas, no sábado, e prossegue no domingo, a partir das 10 horas. A entrada é franca.

A antiga “Feira das Meninas” está em sua segunda edição como “Feira das Mina Preta”. E o sábado já começa com roda de conversa composta por mulheres negras, como enfatiza a produtora Renata Ferreira, fundadora do Meninas de Lenço. O tema abordado será Cinema, Literatura, Mídias Sociais e Religiões de Matriz Africana.

- Estamos na contramão da crise. A cultura afro-brasileira está conquistando seu espaço. No caso da Feira das Mina Preta, além de moda e espaço goumert, levamos também o resgate das nossas raízes e trazemos a juventude pra perto. Mostramos nossas raízes e fortalecemos a cultura e o empreendedorismo do jovem negro. Queremos continuar nessa pegada: trazendo a periferia para o centro da cidade - explica Renata.

No domingo, a feira será aberta com o jongo de Pinheiral, grupo G-Samba, batalha do passinho, baile charme, além da presença de empreendedoras do Médio Paraíba, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo. O Instituto Dagaz estará com barraca de pipoca e salsichão e uma equipe vai compor a mesa e jurados para a batalha do passinho.

A feira conta com apoio das secretarias municipais de Cultura e Ação Comunitária, além da Coordenadoria da Juventude.

- Queremos que o público tenha um dia agradável com a família e que todo mundo que passe pela feira tenha vontade de entender um pouco mais sobre a negritude brasileira, sobre o empreendedorismo negro de Volta Redonda - afirma Renata, lembrando que a feira é repleta de expositoras com acessórios e artesanato.

Meninas de Lenço

O grupo Meninas de Lenço surgiu com o diagnóstico de câncer de mama da produtora Renata Ferreira. O incentivo partiu de sua mãe e amigas, que queriam motivá-la a superar a luta. Foi a partir daí que todas começaram a usar o lenço, em solidariedade. E conforme o movimento foi crescendo, em pouco tempo já havia conquistado 100 adeptas.

Com a realização de eventos, reuniões e rodas de conversa, nasceu o projeto da feira, destinada a todo o público. Agora, com a reformulação da feira, o objetivo é ir além do vínculo da luta contra o câncer, e promover a exaltação da cultura negra, sobretudo com o público jovem e feminino.

E foi por conta da conquista de um edital do Favela Criativa, em dezembro de 2016, que o grupo Meninas de Lenço modificou a Feira das Meninas para Feira das Mina Preta. A fundadora conta que ganhou o edital devido ao trabalho voltado para o jovem de periferia e, por isso, o nome do evento foi segmentado. No entanto, ela deixa claro que não é um ambiente restrito, mas sim, de valorização.

O Memorial Zumbi dos Palmares fica na Rua 23-A, na Vila Santa Cecília. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

09:59 Cidades