sexta-feira, 17 novembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Educação

Exclusão de desfile frustra alunos de escola em Volta Redonda

13/08/2017 08:49:18

Estudantes da Escola Municipal Maria José Campos Costa que participam do projeto Volta Redonda Cidade da Música estão frustrados. Apesar de todo o empenho e dedicação nas aulas e nos ensaios para se apresentarem no desfile cívico de 7 de Setembro, eles vão ficar de fora do evento, assim como outros integrantes do projeto de outras unidades educacionais.

A notícia foi recebida no meio da semana passada, quando a Secretaria Municipal de Educação informou à direção da escola que, por medida de economia, apenas três escolas desfilarão na Avenida Paulo de Frontin na comemoração do Dia da Independência do Brasil. A frustração dos alunos, é claro, foi encampada pelos pais.

- A decepção é muito grande, pois vimos acompanhando de perto a dedicação dos professores e alunos neste projeto tão bonito – externou Patrícia Soares.

A filha dela, de 7 anos, faz parte do projeto desde o início do ano e, como outros, vinha se dedicando com entusiasmo nas aulas. “Até hoje ela não fez nenhuma apresentação, mas vem se dedicando nos ensaios para o tão esperado desfile cívico. Foi um balde de água fria”, resume a mãe sobre como os alunos receberam a notícia.

A escola tem cerca de 950 alunos. Em torno de 100 participam das aulas de música, em horário complementar. Alguns alunos participam das aulas todos os dias, outros três vezes por semana.

Embora reconheça o momento de crise, Patrícia – que faz parte do conselho da escola – lamenta que o governo não tenha sequer discutido o assunto com os pais antes de tomar uma decisão: “Creio que o prefeito pode economizar em outras coisas, mas não no sonho destes pequenas. Estamos a poucos dias do desfile e a expectativa deles era tão grande. O prefeito Samuca Silva deveria repensar, buscar uma solução junto às escolas e seus conselheiros. Eu, como mãe e conselheira, sei que podemos tentar reverter  a situação, para que as  crianças mostrem o resultado desse belo trabalho”, apela.

Escola com problemas

Patrícia recorre ao que já vem ocorrendo na Escola Municipal Maria José Campos Costa, onde os pais estão atuando devido a uma série de problemas enfrentados pela instituição. Segundo ela, também na semana passada as mães foram fazer a limpeza da escola, serviço que, segundo ela, foi paralisado depois do fim do contrato da prefeitura com a empresa responsável.

- A escola está passando dificuldades, com os pais fazendo a doações e até rifa para a compra de papel. Semana passada, as mães foram lá fazer a limpeza. Os banheiros estavam muito sujos. Disseram que ia ser resolvido e não foi. O que a gente pode fazer para as crianças não ficarem sem aulas a gente está fazendo.

Secretaria confirma exclusão por custo

De acordo com a secretária de Educação de Volta Redonda, Rita de Cássia Oliveira de Andrade, foi realizada uma reunião com a comissão organizadora do Sete de Setembro, que concluiu ser impossível desfilar com cerca de 1,8 mil alunos, sendo 1,2 mil somente do Projeto Cidade da Música. A secretária alegou ainda, através da assessoria de imprensa do governo, que são diversas entidades participantes, além das outras secretarias, autarquias e coordenadorias.

Além de 600 alunos, foi decidido que apenas 160 do projeto desfilarão e a escolha, segundo a secretária, ficou a cargo da maestrina Sarah Higino.

A secretária ponderou ainda que, para levar 1,2 mil alunos ao desfile seriam necessários 14 ônibus, “sem contar o transporte dos instrumentos, que quase dobraria esse número, o que geraria alto custo à secretaria”.

A Secretaria de Educação garantiu também que o problema de falta de material na escola já foi solucionado. Quanto à limpeza – 24 escolas são atendidas por empresa terceirizada – foi feita uma contratação emergencial e o serviço começa esta semana. A secretária informou que nesta segunda-feira haverá reunião com a direção das escolas para tratar do assunto.

Rita garantiu ainda que, entre o fim do contrato das empresas que prestavam o serviço e o início da atuação da nova contratada, a limpeza nas escolas teria sido executada pela prefeitura, com sua estrutura própria.

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:57 Estado