terça-feira, 18 dezembro 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Câmara de VR vai devolver R$ 640 mil à prefeitura

12/12/2017 19:24:22

A Câmara de Volta Redonda devolverá à prefeitura, no próximo dia 20, R$ 640 mil da verba orçamentária dispensada ao Legislativo este ano. O anúncio foi feito na tarde desta segunda-feira pelo vereador Sidney Dinho (PEN), presidente da Casa, em entrevista coletiva na qual fez um balanço de sua gestão à frente da Mesa Diretora.

- Vamos formalizar a devolução na próxima semana e esperamos que o prefeito [Samuca Silva] faça um bom uso deste dinheiro em favor da saúde ou da educação – disse o vereador.

Presidindo a Câmara no primeiro ano desta legislatura, Dinho – que está em seu segundo mandato – afirmou que passará a presidência a Whashington Granato (PTC) com as contas em dia. Segundo ele, os únicos pagamentos pendentes se devem a direitos de servidores efetivos, de anos anteriores, que ele não pagou na totalidade por causa do teto constitucional que limita as despesas com pessoal. “De R$ 175 mil, pagamos cerca de R$ 100 mil”, informou.

Dinho destacou ainda que o Legislativo liberou no último dia 8 a segunda parcela do 13º salário dos funcionários, a quem fez um agradecimento especial: “Quando assumi a presidência fiz uma reunião com eles e pedi que me ajudassem a não errar. Não tenho palavras para agradecer. Todos se engajaram”.

A reforma do plenário, a pintura da parte externa da Casa e medidas tomadas com o intuito de economizar nas despesas foram, segundo ele, compromissos que havia assumido e que considera cumpridos. Ele destacou ainda que o pregão presencial, modalidade mais utilizada para as compras neste ano, permitiram uma economia de R$ 132 mil, já que os gastos ficaram em R$ 742 mil, quando a estimativa era de R$ 874 mil.

No plano político, ele disse também que cumpriu a promessa de colocar em votação três contas do ex-prefeito Antônio Francisco Neto e que as contas de 2015 não chegaram a ser votadas porque ainda não foram devolvidas à Divisão de Expediente, enquanto as de 2016, segundo ele, ainda não chegaram à Casa porque o ex-prefeito conseguiu junto ao TCE (Tribunal de Contas do Estado) prorrogar o prazo para explicar pontos que estão sendo questionados.

CANDIDATURA – O presidente da Câmara também confirmou que deverá concorrer a uma vaga de deputado estadual no ano que vem. “Já coloquei meu nome à disposição. Vamos com a cara e a coragem”, disse, explicando que seu desejo de concorrer foi estimulado pelo cenário político nacional, devido “ao comportamento das mesmas pessoas de sempre”.

Dinho disse não ter dúvidas de que, ano que vem, os eleitores vão buscar uma renovação dos políticos. “Toda eleição é difícil, mas o  fato é que, diante de tudo o que aconteceu no país e no estado, vamos vivenciar uma renovação muito grande no quadro de deputados federais e estatuais no país todo”.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

07:00 Cidades