sexta-feira, 19 julho 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Câmara de VR aprova sistema de coleta móvel de sangue

10/04/2019 10:49:38

A Câmara de Volta Redonda aprovou em segunda votação, na noite da terça-feira, o projeto de lei da vereadora Rosana Bergone (PRTB) que propõe a criação de um Sistema Municipal de Coleta de Sangue Móvel.  Com a lei, acredita a autora, será possível aumentar o número de doadores de sangue e, consequentemente, os estoques Hemonúcleo de Volta Redonda.  A unidade móvel, conforme o projeto, funcionará em um veículo adaptado disponibilizado pela Secretaria Municipal de Saúde. O projeto agora irá para apreciação do prefeito Samuca Silva.

 “Trabalhei em hospitais por muito tempo e em qualquer cirurgia eles pedem aos familiares que consigam doadores de sangue, que será usado por aquele ou outros pacientes. Com este projeto queremos incentivar e facilitar a doação de sangue”, disse Rosana.

O projeto recebeu três emendas. Uma delas prevê um veículo adaptado, motorista habilitado e técnico de enfermagem que fará a coleta de sangue dos doadores. Em outra, ficou definido que o veículo só poderá ser acionado para atender uma demanda igual ou superior ao número de dez doadores de sangue e se instalará em local de fácil acesso comum a todos. Na terceira, a lei deverá entrar em vigor em 30 dias a partir da data de sua publicação.

Rosana explica ainda que haverá uma linha de telefone gratuita para agendamento das doações, por meio de uma central, conforme o projeto. “Após o atendimento, a unidade móvel de doação será deslocada para o endereço agendado, no dia e horário marcados. Com a lei, a cidade poderá promover campanhas educativas, realizar exames obrigatórios para doadores, esclarecer dúvidas sobre a doação e organizar mutirões para a coleta de sangue”, esclareceu.

Ela ainda reforça que, nos mutirões, o resultado poderá ainda ser melhor. “O veículo pode ir a locais com maior concentração de pessoas e em parcerias com associações de moradores, organizações não-governamentais e sindicatos. Além disso, uma empresa privada poderá realizar uma campanha interna e o serviço de coleta móvel poderá ir até lá e passar o dia coletando sangue dos funcionários”.

Para ela, muitas pessoas querem doar, mas não tem informações suficientes ou mesmo condições financeiras para se deslocar até o banco de sangue.  “É uma alternativa de doação que será bem aceita por todos”, acredita. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

19:51 Cidades